Home > Liverpool tem obrigação de dar razões para Coutinho permanecer, diz Klopp

Liverpool tem obrigação de dar razões para Coutinho permanecer, diz Klopp


terça-feira, 21 novembro 2017

O técnico do Liverpool, Juergen Klopp, disse nesta segunda-feira que cabe à equipe garantir que jogadores fundamentais como Philippe Coutinho queiram permanecer no clube, conforme rumores continuam a surgir de que o Barcelona irá tentar novamente tirar o meia brasileiro de Anfield.

O Barcelona, líder da Liga Espanhola, passou grande parte da última janela de transferências tentando atrair Coutinho para a Catalunha, mas suas tentativas foram em vão, com o diretor esportivo Robert Fernandez dizendo que o Liverpool exigiu 200 milhões de euros pelo jogador.

Em entrevista coletiva antes da partida do Liverpool na Liga dos Campeões contra o Sevilha, Klopp disse não estar preocupado com novos relatos da mídia na Espanha dizendo que o Barcelona irá fazer uma nova aproximação por Coutinho na janela de transferências de janeiro.

“Não estou preocupado com isto. A única oportunidade para termos sucesso é termos bons jogadores em nossa equipe. É nosso trabalho garantir que estes jogadores queiram permanecer no Liverpool e não queiram ir para outro lugar”, disse o técnico alemão.

“Se jogadores ainda quiserem ir para outro lugar eles podem ter diferentes razões, mas não é meu problema neste momento porque ainda há uma longa temporada pela frente. Nós temos esta equipe junta agora e nós queremos ter o maior sucesso possível”.

Coutinho não jogou durante o primeiro mês da temporada da Liga Inglesa após toda a especulação, mas já está de volta ao seu nível. Ele marcou cinco gols, incluindo um na vitória em casa por 3 x 0 no sábado sobre o Southampton, e deu quatro assistências em suas últimas sete partidas.

“Phil está 100 por cento no Liverpool. Após todas as conversas, é possível não só para ele, mas para todos os jogadores (deixarem o clube). Quando o mercado está aberto, há discussões; quando o mercado fecha, nós somos profissionais e fazemos o trabalho novamente”, acrescentou Klopp.

Fonte: Agência Reuters

Compartilhe!